Órgãos municipais não terão expediente, assim como as agências bancárias. Câmara dos Dirigentes Lojistas informou que o comércio deve funcionar normalmente

O Dia da Consciência Negra é comemorado nesta quarta-feira (20) e é considerado feriado pela Prefeitura de Montes Claros (MG). A data faz referência à morte de Zumbi dos Palmares, líder quilombola que lutou contra a escravidão e a favor dos direitos dos negros.
Com o feriado, os órgãos municipais permanecerão todos fechados, assim como as agências bancárias.

A Câmara de Dirigentes Lojistas informou que o comércio deve funcionar em horário normal, seguindo acordo entre patrões e funcionários. Os shoppings abrirão normalmente.

Os Cartórios Eleitorais funcionarão de meio dia até 18h. O Fórum e o Ministério Público terão expediente normal. O Hemocentro não abrirá.

Os Mercados Sul e Central estarão abertos até o meio dia e a Ceanorte funciona normalmente.

Os Parques Milton Partes, Sagarana e Cândido Cabela abrirão das 7h às 22. O Parque João Botelho (Mangueiras) abrirá das 7h às 20h.

A coleta de lixo funcionará normalmente e o Pronto Atendimento Municipal Alpheu de Quadros atenderá 24 horas, para urgências e emergências.

Atividades no feriado

O Museu Regional do Norte de Minas realiza o “I Sarau no MRNM” com duas atividades; roda de conversa e apresentação do Grupo de Capoeira “Berimbau de Ouro”, coordenado pelo Mestre Lezim. A programação terá início às 19h e é aberta ao público. Para quem tem o interesse de participar e receber o certificado, haverá um custo adicional de R$ 5 na inscrição.

A organização quer debater a luta dos negros contra a discriminação racial e a desigualdade social. Entre os temas abordados estão: “Religiões de Matriz Africana e sua Resistência Cultural”, com o professor André Luiz Pereira Pinho; “O Racismo no Futebol”, com Marcos Iago Siqueira Pereira; e “Racismo e Identidade”, com Vanessa de Souza Leal. Os três são professores da Universidade Estadual de Montes Claros.

Ainda na quarta, será realizada a 4ª Marcha contra o Racismo e Intolerância Religiosa de Montes Claros, com saída da Praça da Catedral, às 8 horas, com o tema “Ancestralidade”, “Respeito (Re) Existência e Democracia”.

Na quinta (21), está prevista uma audiência pública na Câmara com o tema “Políticas Públicas para o Povo Negro”, para 19h.

Na sexta (22), será realizada a mesa redonda “O Processo de desestigmatização das religiões de matriz africana”, no Prédio 1 da Unimontes, às 19h. E no dia 29, o evento “Cultura afro em movimento” encerra as atividades, às 18h, no estacionamento da Biblioteca da universidade.

Fonte e Fotos: G1 Grande Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *