O mandado de prisão foi expedido pelo juiz federal Marcelo Bretas, no Rio de Janeiro

O empresário Eike Batista foi preso na manhã desta quinta-feira, (8/8), pela Polícia Federal no Rio de Janeiro. A mandado de prisão foi expedido pelo juiz Marcelo Bretas a pedido do Ministério Público Federal (MPF). A prisão é cumprida dentro de mais uma fase da Operação Lava-Jato.

Além do mandado de prisão de Eike, foram expedidos ainda cinco mandados de busca e apreensão. Os filhos do empresário, Thor e Olin, também são alvos da Polícia Federal.

Eike Batista chegou a ser considerado o homem mais ricos do mundo. Em março de 2012, sua fortuna era estimada em 34 bilhões de dólares, segundo dados do Índice de Bilionários da Bloomberg. Eike deixou o clube dos bilionários em 2013 e chegou a amargar o título de primeiro bilionário negativo do mundo, ao adquirir uma dívida de mais de 1 bilhão de dólares.

Eike foi preso em janeiro de 2017 acusado de corrupção ativa e lavagem de dinheiro. Quatro meses depois, o ministro Gilmar Mendes o colocou em liberdade. Em julho passado foi condenado a 30 anos de prisão, no entanto, continuava em liberdade.

Fonte e Fotos: Estados de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *